Moradores da Ilhinha recebem geladeira nova Ação foi promovida pela Defensoria Pública e Equatorial Maranhão

Famílias de baixa renda atingidas pelas fortes chuvas na capital, no início do ano, foram cadastradas pela Defensoria Pública do Maranhão e receberam nesta quinta-feira (24) geladeiras novinhas, em troca das antigas que já estavam com defeitos e consumindo bastante energia, como parte de uma ação realizada pela Defensoria Pública, em parceria com a Equatorial Maranhão. Essas famílias estavam morando em área de risco e foram remanejadas para dois residenciais: o Residencial José das Chagas (localizado no bairro da Ilhinha), onde foram entregues 40 geladeiras, e o Residencial João Alberto (Vila Lobão – Santo Antônio), onde foram entregues 20 geladeiras.

Estiveram presentes durante a ação o Defensor Público Geral Alberto Bastos, e representando a Equatorial Maranhão a Líder Jurídico Amanda Castro e o Executivo de Relacionamento com o Cliente Luiz Antônio Fernandes.

Para Alberto Bastos, essa parceria faz parte de uma diretriz maior da Defensoria Pública do Maranhão. “Dentro da nossa diretriz de atuação cada vez mais próxima do cidadão, buscamos a parceria da Equatorial Maranhão e, juntos, conseguimos potencializar o projeto de troca de geladeiras, indicando famílias em situação de vulnerabilidade, que podem contar com um eletrodoméstico novo sem custos bem como a redução no consumo de energia, ” destacou Alberto.

Já o Executivo de Relacionamento com o Cliente Luiz Antônio Fernandes destacou que esta ação é parte do programa de Eficiência Energética da Equatorial Maranhão, que firmou parceria com a Defensoria. “Para nós foi muito importante atender a este pedido da Defensoria Pública e poder levar nosso programa de Eficiência Energética para essas comunidades, que agora vão ter um equipamento de qualidade, com consumo de energia mais baixo e mais qualidade de vida”, relatou Luiz Antônio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *